Palmas-TO, 03 de fevereiro de 2023

WebMail

Lançamento do PEIEX Tocantins destacou potencial do estado no mercado de produtos e serviços para exportação

Atualizado em: 13/07/2022 17h19

Empresários de diversos segmentos de mercado, representantes de instituições públicas e privadas e de entidades que atuam na área do empreendedorismo e comércio no Tocantins participaram na manhã desta quarta-feira, 13, do lançamento do Núcleo do Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX) no estado.

O evento foi iniciado com a fala da diretora técnica da Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins (Fapto), Fernanda Fernandes, que agradeceu a participação e presença dos empresários, comissão organizadora do PEIEX e seu Comitê Consultivo. Na programação do lançamento, os consultores da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) apresentaram de forma dinâmica as estratégias e o planejamento que o programa utiliza para gerar oportunidades às empresas locais de ingressarem no mercado de exportação.

Atento a todas as informações repassadas durante o evento, o empresário tocantinense Wagner Machado, da Plantae Ecossistemas, empresa que através de uma Plataforma de Impacto Socioambiental ajuda a tornar as cidades mais ambientalmente sustentáveis, por meio o plantio de árvores, conta que já ingressou no Peiex para receber a qualificação. “A Plataforma administra todo este processo de uma forma mais fácil, ajudando às grandes empresas nacionais e internacionais que precisam compensar as emissões de gases com o plantio de árvores. Nosso trabalho é criar essa ponte, mostrando onde eles podem patrocinar ou financiar essa arborização. Conseguimos apresentar dados reais a eles. Então, nós nascemos já com a necessidade internacional. Os maiores interessados pelo nosso produto são fora do Brasil. Com o apoio do Peiex seremos melhor direcionados para este mercado”, relatou o empresário.

A diretora técnica da Fapto, Fernanda Fernandes, aproveitou o momento para destacar o potencial dos produtos e serviços que o Tocantins oferece e falou também do novo desafio que a instituição tem em qualificar mais 100 empresas por meio do curso de qualificação promovido com metodologia da Apex-Brasil. Tocantins. “O nosso estado tem muito potencial, tem muitos produtos com características para exportação, tanto em produtos como serviços. Estamos num novo ciclo de qualificações para o Tocantins junto com a Apex-Brasil. No primeiro ciclo, capacitamos 52 empresas, e hoje tivemos a oportunidade de ouvir aqui tantos relatos positivos dos empresários que estiveram conosco no início”, lembrou a diretora reforçando que a qualificação é gratuita e que as empresas precisam apenas ter um CNPJ ativo e um produto que seja considerado um produto exportável.

A coordenadora de capacitação da Apex-Brasil, Rita Albuquerque, apresentou os benefícios que as empresas recebem para impulsionar o seu potencial para a exportação. “O ponto principal da nossa metodologia é familiarizar o empresário local com o universo do comércio exterior. Observamos que aqui no Tocantins, temos um grande potencial para exportação, mesmo com alguns municípios de potencial pouco explorado, por isso a extensão do Peiex para as cidades de Gurupi e Araguaína. Nossa meta é impulsionar esse potencial”, disse a coordenadora.

O PEIEX é uma iniciativa da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), que, no Tocantins, mantém parceria com a Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins (Fapto).