Palmas-TO, 28 de novembro de 2021

WebMail

Fapto é recomendada para receber certificação ISO 9001

Atualizado em: 26/08/2021 08h15

A Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins (Fapto) é a primeira e única instituição gestora de projetos de pesquisa e extensão do Estado a receber a recomendação para a certificação da Gestão Qualidade ISO 9001, e umas das poucas do segmento em âmbito nacional a comemorar esta conquista. O anúncio da aprovação do certificado aconteceu nesta quarta-feira, 25, durante a reunião de fechamento da auditoria realizada pela Empresa Australiana com atuação global - QMS, conduzida pela auditora Michelle Miele.

Em 17 anos de história, a Fapto soma em 2021, a aprovação da certificação, validando assim que o Sistema de Gestão da organização está em conformidade com os novos indicadores da ISO (International Organization for Standardization).

Para a diretora executiva da Fapto, Fernanda Fernandes, a conquista é resultado de um amplo trabalho de adequação e do sucesso dos projetos que vêm sendo implementados na Fundação. “Todo este processo começou ainda em 2019, quando todas as áreas foram mobilizadas e organizadas conforme as normas da ISO. Tivemos o ano de 2020, para monitorar e acompanhar todas as etapas do processo de qualidade e eficiência dos serviços oferecidos. Hoje, estamos em comemoração, pois recebemos o atestado do nosso compromisso com a qualidade dos serviços prestados aos nossos clientes e à sociedade do estado que escolhemos atender”, disse com satisfação a diretora.

Até chegar a auditoria de certificação, a gestão da Fapto passou por outras fases, dentre elas, treinamentos da equipe de colaboradores, consultorias, auditoria interna e posteriormente as entrevistas e análises da documentação e dos sistemas para o resultado final.

Nesta fase final, foram três dias de auditoria, realizada entre 23 a 25 deste mês, onde o Sistema de Gestão da Qualidade da Fundação foi amplamente analisado. A auditora Michele Miele atestou o atendimento dos novos requisitos da norma, que incluem as medidas adotadas na gestão de riscos e assim validou a certificação. “O trabalho e dedicação da equipe da Fapto rendeu elogios da auditoria, principalmente em relação a gestão dos processos, registro das documentações e controles internos. A recomendação é fruto do esforço de todos os colaboradores da Fundação”, avalia a diretora.