Palmas-TO, 27 de outubro de 2021

WebMail

Diretoria Executiva apresenta o Relatório de Atividades de 2020 da Fapto aos colaboradores

Atualizado em: 01/06/2021 18h16

A equipe gestora da Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins (Fapto) começou o mês de junho, com a apresentação do Relatório de Atividades da Fundação, para os colaboradores da instituição. De forma virtual, a diretora executiva da Fapto, Fernanda Fernanda, mostrou de forma ilustrada o resumo das atividades administrativas, gerenciais, contábeis e de gestão realizadas no período de 2020.

A primeira parte do relatório apresentado trouxe informações referentes à estrutura organizacional da Fundação, a composição dos Conselhos de Administração e Fiscal e as ações que tiveram maior alcance e destaque no ano passado.

Fernanda comentou sobre o Planejamento Orçamentário, fazendo uma análise comparativa sobre o número de Projetos gerenciados pela Fundação, considerando os dados dos dois últimos anos. “Tivemos um aumento de 17% na execução de projetos em 2020. Trabalhamos em 154 projetos, sendo que 54 deles foram iniciados no ano passado e os 100 outros que já estavam em andamento. As atividades de extensão continuaram a ser o grande destaque, correspondendo a 51% das atividades executadas pela Fapto”, evidenciou a diretora, avaliando que o ano foi bastante positivo em relação a receita orçamentária da instituição.

A relação dos balancetes contábeis e o Plano de Ação da Fapto proposto para os próximo ano, onde foram relacionadas às ações e atividades estratégicas a serem implementadas pela Fundação também constaram na explanação da diretora. “Planejamos para os próximos anos, melhorar a infraestrutura, estrutura organizacional, buscando sempre aperfeiçoar os processos operacionais e relacionamento com o nosso público, que são os pesquisadores e as instituições parceiras”, reforçou Fernanda.

O assessor institucional da Fapto, Léo Araújo, aproveitou a oportunidade para avaliar o resultado conquistado pela Fundação no ano tão adverso como 2020. “Começamos o ano com uma equipe técnica capacitada, cheia de boas expectativas e ideias, mas fomos surpreendidos com a pandemia, que por alguns momentos nos fizeram replanejar a forma de trabalho, mas observando hoje, os números que conseguimos alcançar, demonstra que mais uma vez conseguimos fazer o dever de casa. Agora, é continuar proporcionando de forma eficaz, os melhores caminhos para os pesquisadores traçarem na execução dos seus projetos”, disse o assessor.