Palmas-TO, 27 de outubro de 2021

WebMail

Evento Online: Especialistas do Brasil e da Alemanha debatem como as cidades podem criar uma agenda sustentável

Atualizado em: 13/05/2021 16h50

O Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH) São Paulo e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) realizam, de 17 a 20 de maio, o 9º Diálogo Brasil-Alemanha sobre Ciência, Pesquisa e Inovação, este ano com a temática: “Cities and Climate – The Multi-level Governance Challenge”. Para participar basta se inscrever pelo link. O evento é gratuito.

O evento discutirá como as cidades, causadoras e ao mesmo tempo vítimas das mudanças climáticas, podem criar uma agenda sustentável para atenuar adversidades que criam em relação ao meio ambiente. Para tanto, economistas, engenheiros, juristas, pesquisadores e docentes do Brasil e da Alemanha irão apresentar análises de estudos, tendências e previsões dos impactos do clima no ecossistema das cidades.

Dentre os destaques dos palestrantes do 9º Diálogo do lado alemão estão o oceanógrafo e professor de física dos oceanos da Universidade de Potsdam, Stefan Rahmstorf, retratado como um dos dez maiores cientistas do clima do mundo pelo jornal Financial Times, e a professora de direito público e direito ambiental da Universidade de Münster (WWU) Sabine Schlacke, vice-presidente do Conselho Científico do Governo Alemão para Mudanças Ambientais Globais (WBGU).

Entre os brasileiros, os destaques são a participação do professor Marcos Buckeridge, diretor do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (USP) e coordenador do programa de pesquisa USP Cidades Globais, e da professora Leila da Costa Ferreira, representante da Unicamp na Worldwide Universities Network (WUN) Global Challenges – Adapting to Climate Change.

Temas como governança, consequências nas cidades litorâneas do aquecimento global, efeitos da pandemia, ciência e tecnologia e seus usos para monitorar, mitigar e adaptação às mudanças climáticas estarão no centro dos debates no 9° Diálogo. Em alguns painéis, casos concretos como os projetos Campus Sustentável, da Unicamp, e Water-Food-Energy Nexus, da Universidade Técnica de Munique (TUM) serão apresentados.

Mais informações sobre temáticas e palestrantes na página do evento. (Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH))